Portifa: Roberto Gamito

Vendo meus feeds achei o material desse ilustrador que mistura imagens, ilustra e 3d nas suas composições. Um trabalho muito bem feito.

Aqui os links para o perfil dele no devianart e para o behance.net

Portifa: Matei

Achei esse portifa no abduzeedo e é bem legal, pertence ao Matei Apostolescu, um freelancer de ilustração da Romênia.

 

Sites dele 013a.com e beaucoupzero.deviantart.com

Portfólio: Jama Noor

Achei o portifa deste cara no Behance.net, o cara tem uns trabalhos muito bons.

A galeria que vi primeiro (aqui) e que está nesse post é em all type, mas no link do seu perfil tem varios outros jobs e ainda tem o flickr dele clicando aqui.

 
   

Portfólio: Yana Moskaluk


Postizim rápido de um domingo frio e triste, porque minha tv queimou ontem (sábado), não estou jogando Xbox e o Fable 2 que ganhei de amigo secreto
na sexta.

Aproveitei o infortúnio (e me segurar para não ir comprar uma tv nova) e fui dar uma olhada nos muitos links que salvei para depois postar no blog e aqui está: Yana Moskaluk. Illustradora que nasceu em Omsk, Sibéria, e atualmente mora em Moscou, na Russia.

Tem uns traços muito bem trabalhados, a galeria abaixo é de um trabalho que foi publicado na playboy Russa.

Infelizmente é mais um portifa que os trabalhos são muito bons, mas o site dela é bem ruinzinho.

Via Behance Network.
Site portfólio.

Michael Lau, o pai do toy art.


Michael Lau, artista de Hong Kong, designer e ilustrador conhecido pelos seus trabalhos com brinquedo (figures), Ele é creditado por muitos como fundador do estilo urbano de vinil dentro movimento toy art. Seus trabalhos têm influenciado e ditado tendências forte nos fabricantes de brinquedo, assim como arte de rua e
até música.

Seu estilo é muito influenciador no hip hop americano e asiático e no meio dos skateboardings. Lau ganhou vários prêmios por seu trabalho (que é DUCA).

Ele também trabalhou com o grupo de hip-hop LMF, criando uma série de números com base nelas. Ele criou outra série de figuras de vinil urbano, tais como Crazychildren e Lamdog, além de peças stand-alone. Sua obra é altamente colecionável e é (mais do que normal hoje em dia) comprado por adultos. Também fez uns trabalhos bem legais para a Nike.

O que tem que suas criações são animais tem o site que é zuado, não da para ampliar os trabalhos, mas mesmo assim vale a visita para prestigiar o brother dos toy art clicando aqui e também uma galeria do flickr que eu achei que tem muita coisa louca aqui.

Dica by Marcos Barbosa.