Racismo no mundo dos games.

Há um tempo atras li uma matéria (fala de onde é, referência) sobre a Capcom ser processada por racismo por conta do jogo Resident Evil 5, no qual o jogadores estão na África e enfrentam a população de uma vila (que, como a maioria no continente, é negra) que está doidona e meio mutante/zombie.

Ok, dar tiro em negros é racismo, mas vamos recaptular toda a história dos games pra ver o que é racismo e o que é cu doce.

Em 5 de maio de 1992 foi lançado um dos jogos que mais influenciou os games de tiro em primeira pessoa. Wolfeinstein-3D, ou Wolf3D (antes dele também teve Catacomb 3D, mas esse fez mais sucesso). Lembro como passei horas a fio me deliciando matando todos aqueles nazistas e é nesse ponto que eu quero chegar. Wolf3D foi o primeiro jogo (Catacomb tinha uns zumbis mas considero esse aqui mais) no qual você matava alemães e alemães que eram brancos (meio redundante mas tudo bem). Essa série não ficou só neste game, tiveram também Castle Wolfenstein, Beyond Castle Wolfenstein, Spear of Destiny, Return to Castle Wolfenstein que foi a volta da série para os pcs, Wolfenstein: Enemy Territory.

Depois veio o sucesso do DOOM, onde os monstros eram todos soldados zumbis… BRANCOS. Teve Quake, Duke Nukem 3D, Half-Life, e todos B R A N C O O O S (engraçado até então ninguém falou que era perseguição só matar branquelos).

Ai chegou o Mod de mais fama do Half-life, Counter-Strike, e passamos a matar brancos, alemães e…???? Árabes!!!! Uhuuuuuu, até então nenhum negro né? hummm i don’t think so! mas vamos continuar.

Desde 92 jogamos games onde o foco é matar alemães, na verdade matamos os nazistas, nãos os alemães, os alemães/poloneses/japoneses/austríacos são uma leve casualidade, é a mesma coisa que dizer que todo morador de favela é negro (e pq não posso chamar de preto? sou chamado de branquelo e não me incomodo e nem é considerado racismo ué, but anyway) somos massacrados nos games a anos!

Ai começou o genero de horror também, Resident Evil? Nãããooo to falando de Sweet Home que foi lançado em 89 e foi a obra na qual o Resident foi inspirado, mas o jogo de mais sucesso no mundo ocidental foi o saudoso Alone in the dark! Um dos primeirões, nem era tão horror assim, mas deu inicio a uma modalidade de games, e novamente, os fantasmas e zumbis eram brancos (ta certo que fantasmas é meio essa coisa translucida, se fosse todo afro descendente ia ser um vulto demoníaco ou sei la que nome dariam ou dão).

Uma seleçãozinha de imagens dos games citados

Uma seleçãozinha de imagens dos games citados

Ai então, só depois de toda a evolução do Alone e outro jogos, veio Resident Evil, ou Biohazard como é chamado no japão, que foi lançado em 1996. Começou outra saga, agora com outras raças, mas na sua esmagadora maioria, eram brancos. Haviam uns latinos também (e se for para falar de racismo com os latinos, vamos lembrar do Blanka e de como os americanos enxergam agente heim, mas ai já é coisa D+++ pra esse post). Depois veio Sillent Hill, Fatal Frame e da-lhe matar os japoneses, e mais uma penca que daria pra ficar o dia todo citando aqui.

Na saga do Resident começou como quem não quer nada, numa velha mansão, depois na cidade de Raccoon 2x, depois na Europa com o Code Veronica, Umbrella é desmantelada e ai maaaais pra frente, hora de matar espanhóis no Resident Evil 4.

Me respondam, algum espanhol processou a capcom por racismo?? Como não teve resposta deixa eu continuar. La foram todos os players/fãs de RE mandar bala nos latinos miseráveis, doentes e com cara de doido, que pareciam fazer parte de um culto estranho. Mas tudo bem, a historia se passa na Espanha, o Leon precisa resgatar uma menina que está lá, nada mais normal que matar espanhóis, certo? Ou alguém queria ir na Espanha pra continuar matando nazistas? Você vai no açougue comprar carne? Locadora para alugar? Bananeira tem bananas? Ou alguem já achou uma pera num pé de jabuticaba?

Provado meu ponto, o jogo 5, que é o jogo em questão que foi processado, se passa com um dos sobreviventes do grupos STARS (do 1 RE) que acaba respondendo algumas perguntas sobre como surgiu o vírus e tra la lá, e a história se passa na África.

Com base na minha série de perguntas anteriores, nada mais normal do que os vilões serem negros, ok? Existe muitos brancos na Africa, Africa do Sul, mas de novo só matar a gente? Relacionar Africa com a população negra é tão normal quanto lembrar do Brasil e só ver latinos, existem comunidades extremamente alemãs que nem português falam, japonesas e outras, mas é normal lembrar de latino.

E foi por causa disso que surgiu toda esse alvoroço. Nestes blogs estão as matérias dos que defendem que RE é um jogo racista blacklooks e microscopiq.

E ai, algum deles parou pra reclamar que no GTA os Russos são só bandidos, e a proposito, em todos os filmes eles são vilões. No mundo do cinema, já perdi as contas de quantos alemães foram mortos, quantos brancos são sempre os vilões. Ta bom, estou super defendendo os Alemães? Não, a Santa inquisição matou 10x mais que Hitler e mesmo assim ninguém fez um jogo de alguem querendo destruir a inquisição ou fazendo a caveira da igreja católica por causa disso.

Reclamam de racismo, mas da uma olhada nas bancas. Revista raça. Que porra é aquela! Blz os negros têm necessidades diferentes e isso é uma revista pra tratar disso. Então eu vou criar uma Raça branca, afinal nós temos a pele mais frágil, precisa de mais cuidado, somos diferentes certo? Só assumindo que existe essa diferença para justificar a criação dessa revista.

E a camiseta 100% negro? KCT quem ta sendo racista agora? Se eu ando com uma escrito 100% branco apanho tanto que vou ter que por pino até no céu da boca.

Criação de vagas especiais para negros. Desde quando a taxa de melanina no corpo influencia na capacidade de raciocínio do individuo? Cota para moradores de comunidade carente ok, mas para uma “raça” exclusiva?

TODOS os filmes que vejo, músicas que rolam na mídia, novelas, revistas, são os próprios negros que se acham piores, nos rap’s eles sempre se tratam como marginais e marginalizados, a maioria dos que conheço só porque é negro acha que precisa obedecer o clichê de que todo negro é maloqueiro/favelado/malandro/mano.

Porra, quer ser tratado diferente comece a se olhar diferente, é como a historia do cara que foi no medico dizendo que estava com o corpo todo doendo, e tudo que ele encostava o dedo sentia dor. O médico foi e imobilizou o dedo dele, pois era o dedo que estava quebrado.

Matar alemão/branco não tem problema porque só estão retratando o que nós mesmo fizemos, mas me diz uma coisa: É racismo retratar a forma como o próprio continente africano se trata? Guerras Civís, facções, torturas, regime militar? Não seria isso uma realidade?

E pra acabar, antes de reclamar de quem está sendo racista, que tal olhar para o próprio comportamento e para com a autocomiseração/depreciação?

Já houve grandes lideres negros que não ficaram reclamando da sua condição e nem pondo a culpa nos outros, simplesmente deram exemplo e deixaram sua marca na história.

Anúncios

3 respostas em “Racismo no mundo dos games.

  1. Reclamam de racismo, mas da uma olhada nas bancas. Revista raça. Que porra é aquela!

    Por essas e outras eu achava ridículo falar “OBAMA: o primeiro presidente NEGRO dos EUA”. Que porras de diferença faz a cor da pele?

    Eu concordo plenamente com seu post, Michel. E, sinceramente, depois de tanto argumento, nem teria mesmo por onde discordar. Muito bom!

  2. Pingback: 15 anos de Resident Evil | kfeina

  3. OLHA,JA TEM UM TEMPO DESTA SUA REFLEXÃO! SOU NEGRA,ESTUDANTE DE DIREITO.MUITO INTERESSANTE SEU PONTO DE VISTA.DE TODOS OS COMENTARIOS FICO DE ACORDO EM ALGUNS DOS PONTOS ABORDADOS.FATOS É QUE SIM,HÁ RACISMO.E QUE CLARO COMO VOCE ABORDOU MUITO BEM,ANTES DE TUDO HA QUE MEXER DENTRO DA PESSOA SE RESPEITAR.QUANDO EXISTIR ESSE RESPEITO PRÓPRIO ESTAS MESMAS ESTARÃO SE EXCLUINDO E PONDO A CULPA NO BRANCO MAIS PRÓXIMO.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s